Winnicott - A teoria do amadurecimento - Parte XIII - Personalização, Criatividade  Originária.

Winnicott - A teoria do amadurecimento - Parte XIII - Personalização, Criatividade Originária.

Baseado em 2 avaliações
  • 985 Alunos matriculados
  • 01 Hora de duração
  • 3 Aulas
  • 3 Módulos
  • 1 Avaliação
  • Certificado de conclusão
ASSINE JÁ

Obtenha acesso a este e outros cursos

"ótimo"
Silvana
mais avaliações

Aula me vídeo de 1h03 minutos. Assista em seu tablet, computador ou smartphone, onde e quando quiser. Acompanha roteiro de aula.

O estágio da primeira mamada teórica: 

Personalização / Apresentação de objetos / Criatividade originária / A constituição do si mesmo 

  • O alojamento da psique no corpo (personalização)
  • A despersonalização.
  • A não integração inicial entre Psique e corpo.
  • A coesão psicossomática.
  • O Handling materno.
  • A primeira morada do bebê é o colo da mãe.
  • O amor de mãe  expresso pelos cuidados físicos. 
  • A mãe opaca.

O início do contato com a realidade: as relações de objeto

  • O mundo subjetivo.
  • A importância da confiabilidade.
  • A ilusão da onipotência.

A criatividade originária 

  • Além da tendência inata à integração, no estágio inicial o bebê conta também com a criatividade originária.
  • A originalidade do conceito de criatividade originária.
  • A criatividade originária e a espontaneidade.
  • A ilusão de ter criado o mundo.
  • A principal tarefa da mãe: introduzir o bebê na ilusão de que foi ele que criou o que necessita. 
  • O gesto espontâneo.
  • A perda da continuidade.

A constituição do si mesmo primário

  • Se o bebê ainda não existe como unidade, quem é que encontra os objetos?
  • Ao encontrar com o objeto subjetivo, o seio, o bebê se torna o seio. 
  • O sentimento de identidade.
  • O objeto subjetivo não é externo, mas criado por ele.
  • A identificação materna e a confiabilidade.
  • Os perigos da mãe "perfeita".
  • O ambiente intrusivo.
Nenhuma descrição cadastrada.
Guilherme Magnoler Guedes de Azevedo
"Contato para Supervisão: 14-9.9772.3707"

   

Guilherme Magnoler Guedes de Azevedo CRP 06/70116 Psicólogo. Psicanalista Membro Filiado ao Instituto Durval Marcondes da Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo SBPSP. Representante da Regional de Bauru da Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo SBPSP. Representante dos Membros Filiados do Interior junto à Associação dos Membros Filiados da Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo SBPSP. (2021). Mestre em Psicologia do Desenvolvimento e Aprendizagem pela UNESP Bauru. Fundador, Diretor e docente do Instituto Brasileiro de Psicanálise, antigo Instituto de Estudos Psicanalíticos de Bauru. Fundador da Livraria do Psicanalista. Fundador, Diretor e Docente do Canal do Psicanalista. Autor do Livro “Vínculo mãe-bebê e conflitos edípicos em crianças com Psoríase – um estudo de Psicossomática Psicanalítica, publicado pela Editora Zagodoni. Coordenador do Curso de Formação em Psicoterapia Psicanalítica do Instituto Brasileiro de Psicanálise.


Nenhuma descrição cadastrada.

Conteúdo Programático

  • 1. A constituição do si mesmo
  • tarefas básicas 2
Voltar ao topo